abril 2016

10 Posts Back Home
Showing all posts made in the month of abril 2016.

Talvez não existam culpados em uma relação, mas sim erros que não devem ser repetidos. Já pensou nisso? Ao olhar por esse prisma podemos ver que o outro e, vice-versa, não é nossa propriedade. Por isso, insistentemente e diante da inconsistência das relações modernas, peço a vocês que deixe ir embora aquele que deseja. Ou vale a pena ter alguém ao nosso lado por medo? Capricho? Covardia? Ou, simplesmente, por não nos entendermos dentro da nossa solidão? Não se limite ao outro, por favor. O nome já diz. Então… ele/ela é só o outro mesmo. Às vezes é necessário seguir sem a voz do outro como guia principal da sua vida. Às vezes é preciso deixar as lembranças guardadas junto com as fotos. Às vezes é melhor, de fato, escancarar a porta e deixar o grande amor sair. Porque se fosse realmente amor, ele ou ela ficaria e faria as…

Já me arrancaram um sorriso de lado

            Já me arrancaram um sorriso de lado. Meio de lado. Meio calado, alado, avexado. Sabe aquele que sai sem convite? Esse. É disso que eu tô falando.             Um riso moleque, travesso, desmesurado. Que vem pro canto da boca, alarga os lábios, salta luzidio nos olhos. Risos que nos indagam, provocam, nos fazem loucuras de trinta segundos. Mais do que mágico pela falta de motivo; ou pra quem necessita, uma razão morna para justificação.             Ser pego sozinho, assim, consigo, é. Um sorriso que por vezes brigamos, polimos, votamos. Que delata iminências, uma mão no celular, uma mensagem que dá pra isso. Uma delícia de quem está turrão, convertido por um ato heroico de alguém que lhe foi palhaço por um dia. Eu prefiro dos mais insanos, quando do nada algo inunda lá dentro, transborda, e você ri agradecido.             Todavia, jamais hão de…

Sensibilidade demais não funciona

Por que você se cobra tanto? Acha que é uma máquina que irá resolver tudo? Acredita que pode salvar a humanidade? Por que insiste em querer carregar tanta magoa? Será que você realmente é capaz de consertar corações enquanto o teu continua destruído? Será que a sua preocupação é com o futuro ao invés de apreciar o presente? Será que você se ama o suficiente ou acredita que o amor vem de outras mãos? Ei, querido… Quem é você nesta vida? Quais são seus talentos cultivados? Tente não se fazer tanto de vitima diante dos obstáculos, porque estes só mostrarão, ao final, se você realmente ama aquilo pelo qual se dispôs a lutar. Compreenda a necessidade do processo que está enfrentando hoje, seja ele qual for. Evite tomar decisões no auge da carência, da mágoa, dos desafetos, porque isso impedirá sua evolução como ser humano. Faça mais silêncio, porque assim…

Abertura da Virada Zen no UMAPAZ

Entre os quase 100 espaços de bem-estar, cultura, lazer e desenvolvimento humano que abriram suas portas para a Virada Zen está a UMAPAZ, Universidade Aberta de Meio Ambiente e Cultura de Paz, da Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente. Lá, no dia 25 de abril, será dada alargada para a Virada Zen com uma tarde de palestras e práticas com conteúdos que visam proporcionar bem-estar e autoconhecimento. As 18h15, as idealizadora da Virada farão a abertura oficial do evento. E na sequência, o convidado especial Swami Atma Nambi Guruji fará um Satsang. Confira toda a programação: Rodas de conversa sobre Autoconhecimento – Auditório 3 do UmaPaz (capacidade 100 pessoas) 14h – Andrea Deis – “Florecer e Pensamento Positivo contribuem para felicidade” 15h – Fabiana Maia – A paz no conflito à luz da CNV (Comunicação Não Violenta) 15h45 – Chirles de Oliveira – “Felicidade Sustentável: você pode fazer a diferença no…

Minha Virada Zen – Por Chirles Oliveira

Há um ano, quando participei do SP+ZEN e assisti alguns palestrantes no MAM e vi o banner da programação, pensei e desejei fortemente participar da organização e contribuir de alguma forma para o bem da cidade. Sim, é possível ter uma cidade mais Zen, desde que as pessoas busquem um estilo de vida mais equilibrado, mesmo no meio da confusão do trânsito ou da correria do dia-a-dia. E para minha imensa alegria e felicidade, provando que o pensamento tem poder, hoje faço parte da organização da primeira edição da Virada ZEN, que contará com mais de 600 atrações, de 25 de abril a 1 de maio. Mas a minha Virada Zen terá um gostinho todo especial ao participar no dia 25 de abril, numa segunda-feira a tarde, da programação que acontecerá no UMAPAZ (Universidade de Meio Ambiente e de Cultura de Paz) situado no Ibirapuera, portão 7A. Farei uma palestra…

Vem aí a primeira Virada Zen com mais de 600 atividades gratuitas

“É possível, sim, ter qualidade de vida cultivando bons hábitos como meditação, yoga e outras práticas que proporcionam o autoconhecimento e a auto-observação. Ser Zen é ter uma atitude de paz e amor para com nós mesmos e com todos ao nosso redor.” É essa a mensagem que a Virada Zen quer espalhar pela cidade de São Paulo nos seus 7 dias de duração, de 25 de abril a 1˚ de maio, através de mais de 600 atividades gratuitas em cerca de 90 espaços públicos e privados. Entre os dias 25 e 29 de abril, mais de 80 espaço de Yogas, centros culturais, budistas e de meditação, escolas para desenvolvimento humano e expansão da consciência por toda São Paulo irão abrir suas portas e oferecer suas programações de forma gratuita. Alguns dos destaques da programação são: Dia 25, das 14h às 20h, palestras, workshops e danças no UMAPAZ, no Ibirapuera; Dias…

Às vezes eu não sei onde estou indo…

Quantas vezes olhamos para o espelho e questionamos se somos realmente bonitos? Quantos sonhos já deixamos para trás? Quantas certezas viraram incertezas? Quantas juras de amor não se concretizaram? Quantas mentiras foram faladas? Quantas verdades já nos machucaram? Quantos medos pequenos se tornaram gigantes? Quantos amores eternos terminaram mais rápido do que você pensou? Quantas vezes você se perguntou para onde está indo? E quantas vezes encontrou as respostas? Sabemos que a vida é feita de escolhas e às vezes não realizaremos tudo que temos vontade. Mas será por medo ou por que realmente não era importante como parecia? No caminho de ida e de volta, aprendemos muito. E aprender é essencial para encontrarmos significado em cada experiência. Afinal, a vida não é nada além de uma soma de experiências. E as suas? Tem sido interessantes? Hoje, para nós, há muita diversidade, há grandes e árduos caminhos, e você tem…

A contabilidade da Felicidade: bem-estar, satisfação no trabalho, desenvolvimento sustentável

Recentemente fui presenteada por uma amiga com uma preciosidade. Um relatório sobre a Felicidade Mundial, edição de 2016. Não estava em uma boa semana de trabalho, aturdida com a quantidade de trabalho que tinha e aí este “presente caiu em boa hora em minhas mãos”! Um Relatório Analítico e Quantitativo sobre os indicadores de Felicidade, no mínimo curioso, pensei na hora. Esse é um tipo de presente que a gente compartilha sem mesmo nem saber o porquê, apenas diz: “Amiga esse relatório tem a sua cara”. E só tenho a agradecer o “compartilhamento de conhecimento, disponibilidade, carinho e muito mais”, pois essa leitura me encheu de felicidade por saber que há gente no mundo pesquisando sobre a felicidade, em tempos tão carrancudos. Este relatório é uma raridade, pura belezura.  Após lê-lo, vou tentar resumir alguns dos muitos pontos importantes. O primeiro relatório sobre a Felicidade foi publicado em Abril de…

Sim, o amor também passa

Toda separação dói. Lágrimas invadem os sorrisos. Soluços se formam no lugar dos pensamentos positivos e os dias de maior claridão tornam-se pura escuridão quando o coração está machucado, magoado, tentando se colar novamente. Quem nunca teve essa sensação? Parece que é uma dor que nunca vai passar, que arde o fundo da alma, que rasga os tecidos internos, que nos faz, por algum momento, achar que perdemos o amor da nossa vida. Ah, que tolos somos, né? As pessoas não nos pertencem, logo não as perdemos, porque ninguém perde o que não tem. Você concorda? Por isso, mantenha a calma quando ele ou ela for embora. Não se trata de pessimismo, mas de realidades que acontecem todo dia. As pessoas nos foram emprestadas. Sendo assim, podem ir quando quiserem, mas se voltarem você não é obrigado a aceitá-las. Afinal, tudo que foi, quando volta – se volta -, nunca…

Cidades Abertas

Cada vez mais as cidades têm aberto seus espaços públicos para o uso da população de forma mais humana. Espaços antes de circulação exclusiva de carros ganham vida aos finais de semana quando fechados para pedestres. Em São Paulo, confesso que me emocionei a primeira vez que fui à Avenida Paulista num domingo. Havia crianças correndo entre as faixas antes cheias de  carros, bolhas de sabão gigantes percorriam o espaço até o alto dos edifícios, simpáticas bike food com comidinhas deliciosas para alimentar os novos usuários do local. E por que não se surpreender com uma brincadeira simples e divertida de subir na grade de ventilação da estação do metro e deixar seus cabelos esvoaçarem num estilo Marilyn Monroe? Mas a cidade de São Paulo já possuía outra avenida que já era fechada há alguns anos: o Minhocão. Por lá, o ambiente é um pouco mais árido, mas está ganhando vida…

Navegue
teste